Economize ao navegar pelo celular em roaming internacional

Quando usamos um aparelho celular fora do nosso país de origem, a conexão necessária para fazer chamadas, navegar pela web ou enviar mensagens de texto deixa de ser provida pela operadora de origem e passa a ser viabilizada por uma rede do local do destino. Esse processo é conhecido como “roaming” e permite que o dispositivo continue conectado fora da área de atuação da sua operadora, usando a estrutura da operadora local. O custo, contudo, é alto. Para navegação móvel, por exemplo, a cobrança é feita por megabyte.

Para que os usuários possam usufruir da navegação na web e manter os gastos dentro de seu orçamento, elaboramos algumas dicas para aqueles que vão viajar nessas férias:

• Antes de viajar, certifique-se de que a sua operadora de celular possui planos internacionais de roaming*, que frequentemente oferecem descontos nos pacotes de transmissão de dados. Na chegada ao destino é também recomendado que se reserve um tempo para ler o SMS de boas vindas da rede visitada, já que esta mensagem normalmente informa custos de serviços.

• É indicada a utilização de um navegador com suporte à navegação na nuvem, através do qual as páginas que são visitadas são comprimidas antes de chegarem ao celular. Deste modo, o telefone recebe menos megabytes para carregar, gerando economia de dinheiro e tempo. O navegador Opera Mini, por exemplo, diminui as páginas para 10% do tamanho original, e possui um contador de dados que mostra o número de megabytes que estão sendo usados. Tornar as páginas da web menores também permite que você carregue mais páginas dentro de um mesmo pacote de dados em roaming.

• Quando você estiver navegando em roaming, é recomendável que você ative apenas os recursos essenciais do seu celular, como o navegador e e-mail, para evitar que outros aplicativos carreguem grandes volumes de dados em segundo plano. É recomendado que se use um navegador ao invés de aplicativos para visualizar o conteúdo favorito da web.

• A navegação pode ser feita de forma gratuita com uma conexão Wi-Fi, normalmente disponibilizada em aeroportos, hotéis e cafeterias. Também é possível fazer o uso de aplicativos como Wi-Fi Finder para localizar o hotspot mais próximo. Um navegador com base na nuvem também é útil para uma navegação mais rápida em lugares lotados e com lentas conexões Wi-Fi.

Hoje em dia, as pessoas querem estar conectadas o tempo todo, mesmo com os altos preços de roaming. Isso acontece devido ao hábito do contato ininterrupto com amigos e família, e muitas vezes, por conta do trabalho. Sem contar que precisam ficar online para mapear pontos turísticos, ter acesso a avaliações de restaurantes ou mesmo fazer check-in antecipado nos aeroportos.

“Com tantas formas de reduzir os custos de roaming internacional, não há necessidade de desligar o celular quando estiver viajando ou viver com medo da fatura do telefone”, afirma Jan Standal, da Opera Software. “Um navegador que terceiriza o carregamento das páginas na web, é uma solução acessível para roaming internacional que se traduz em uma internet mais rápida e mais barata em suas viagens” declara.

* Sugestão de Planos

Na Claro temos a promoção Roaming Internacional a R$0,99

A Vivo tem o Roaming Vivo que oferece ligações a R$1,50 e internet sem redução a R$24,90 no dia que usar.

TIM possui o Liberty Passport.

E a Oi o seu Roaming Internacional onde o cliente também pode enviar torpedos no exterior a preço de torpedo local.

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários