[4G] Oi vai pagar o preço mínimo de R$ 295 mil para a exploração do serviço em Roraima


O segundo dia do leilão da 4G, de serviços de internet banda larga de altíssima velocidade, que está sendo realizado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) recomeçou com a venda da licença para a exploração do serviço em Roraima. A vencedora foi a Oi que vai pagar R$ 295 mil pela licença, preço mínimo estabelecido no edital.



Ontem, primeiro dia da licitação, foram vendidos 28 lotes, sendo quatro para prestar serviços de internet banda larga de altíssima velocidade (4G), associada à banda larga rural. Os outros 24 eram regionais, destinados somente para prestação do serviço de 4G. A Anatel arrecadou no primeiro dia R$ 2,724 bilhões.

Dando prosseguimento ao leilão de 4G, entre os lotes 242 e 256, a Anatel vendeu apenas três. o restante será vendido em segunda rodada, onde poderão concorrer as outras empresas. O lote referente a Brasília foi comprado pela TIM por R$ 3,366 milhões, um ágio de 6,15% em relação ao preço mínimo de R$ 3,171 milhões. A TIM também comprou a área do Paraná pelo preço mínimo de R$ 4,053 milhões. Outra área do Parána, referente ao DDD 43, foi comprada pela Oi, também pelo preço mínimo de R$ 7,256 milhões.


No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários