Telefônica/Vivo oferece oportunidades de carreira internacional

Mudanças já são visíveis das empresas que se uniram em 2010, e consolidam fusão este ano

Lucro da Vivo cresce 269,8%


O enlace da Telefônica com a Vivo aconteceu em meados de 2010. Desde então, a regra tem sido manter o que cada empresa tinha de mais legal no trato com os funcionários. Com isso, todas as oportunidades de carreira ou de estudos fora do país foram estendidas para todos os profissionais, independente da origem.

Marcelo Abdo, gerente de planejamento estratégico, vivenciou todas as oportunidades que a companhia oferece fora das fronteiras do país. Fez MBA no exterior, tocou alguns projetos na Espanha e participou do programa de job rotation. 

“A coisa foi se estendendo tanto que chegou um momento que eu tive que me desvincular do Brasil”, conta. 


A regra básica para conseguir essas oportunidades? Entrega de resultados. Na hora de conseguir fazer um MBA com 60% de subsídio da empresa, o desempenho da analista de sistemas Adriana Evangelista falou mais alto.


“O critério era ter uma boa pontuação no ranking da empresa. Ele é feito com base numa avaliação de desempenho anual que é realizado por nosso gestor dizendo se você conseguiu cumprir todas as suas metas”, diz.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários