Oi busca reforço financeiro entre seus credores

Grupo de acionistas se reuniu com representantes da Oi para discutir opções financeiras.



Alguns dos detentores de dívida por parte da Oi, tendo como principais representantes as empresas Moelis e G5 Evercore, reuniram-se na semana passada com representantes da operadora para discutir possíveis acordos que visam um aumento de geração de capital de até R$ 8 milhões.

A primeira parte desse acordo pode gerar resultados ainda neste ano. Há vários credores interessados em participar de um futuro aumento de capital da companhia, dependendo das condições para a operação. A Pharol, maior acionista da Oi, com 25,2% de participação, não se opõe a uma injeção de capital.

“A Pharol já se pronunciou sobre esta matéria, não tem nada a opor, embora preferisse que acontecesse depois da recuperação judicial”, se pronunciou uma fonte oficial da empresa liderada por Luís Palha da Silva.

A Oi em comunicado já admitiu que, no âmbito das negociações em curso com os credores sobre o plano de recuperação judicial, foram discutidas “as possíveis condições de uma eventual capitalização. Posteriormente, estes temas foram debatidos e aprofundados em reunião não deliberativa realizada em 28 de junho pelo grupo de trabalho constituído pelo Conselho de Administração”.

LEIA TAMBÉM:


About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.

2
Deixe um comentário

avatar
2 Número de Comentários
0 Número de Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário com mais interação
0 Autores de comentários
Alberto SilvaErick Nilson Silva Autores recentes de comentários
  Cadastre-se  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Erick Nilson Silva
Visitante

Avante Oi!

Alberto Silva
Visitante

A oi precisa ser vendida a sua divida e muito alta defendo que a telefonia movel seja separada da fixa e se vender que seja pra uma operadora que não seja do brasil vivo claro ou tim bem que se a tim comprasse a rede fixa e banda larga era otimo a telefonia da oi e tem o dobro de antena 2G por isso a conexão e pessima a empresa vendeu suas torres fez dinheiro e não investiu na rede 3G e 4G oi movel sem dinheiro e melhor vender o problema e achar comprador pra assumir essa divida meu… Leia mais »