domingo, 4 de fevereiro de 2018

AT&T, dona da SKY, melhora seus resultados em 2017

O que você achou? 
Receita do grupo foi de US$ 41,7 bilhões no quarto trimestre do ano, US$ 2,2 bilhões na América Latina.


Dona da SKY no Brasil (e da DirecTV), a empresa americana de telecomunicações AT&T divulgou seus últimos resultados financeiros de 2017. A operadora brasileira fechou o ano com 5,36 milhões de assinantes de TV por assinatura, um aumento de 2,09% em relação a 2016.

No quarto trimestre do ano, a receita do grupo foi de US$ 41,7 bilhões, o que representou queda de -0,4%. Em compensação, na América Latina, a receita foi de US$ 2,2 bilhões, um aumento de 16%.


O faturamento da empresa foi de US$ 160,5 bilhões, uma queda de 2%, enquanto o lucro líquido passou de US$ 13,3 bilhões para US$ 29,8 bilhões. No quarto trimestre, foi de US$ 19 bilhões (+681%).

As despesas também aumentaram no trimestre e no ano, com 9% e 14% a mais, respectivamente. O EBITDA ficou em US$ 359 milhões no último trimestre do ano, número 91,5% menor do que o mesmo período em 2016, por baixas contábeis.

LEIA TAMBÉM:
NET e Claro TV perderam 724 mil clientes de TV por assinatura
AT&T pode ser forçada a vender SKY para comprar a Time Warner
Lucro da AT&T, dona da SKY, cai 9% no 3º trimestre


Segundo o presidente-executivo da empresa, Randall Stephenson, a reforma tributária promovida pelo governo Donald Trump, nos Estados Unidos, influenciou os ganhos financeiros.

Para 2018, a AT&T espera lucro recorrente por ação de US$ 3,50, além de fluxo de caixa livre em torno de US$ 21 bilhões, um resultado bastante positivo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário