terça-feira, 5 de dezembro de 2017

SKY pode tirar canais TNT, Cartoon, EI e Warner de sua grade

O que você achou? 
Empresa está em negociação com o Grupo Turner sobre renovação de contrato e decisão deve ser tomada ainda em 2017.
A SKY enviou aos seus assinantes uma mensagem informando que, a partir do dia 1º de janeiro, pode tirar os canais da Turner de sua grade. Seriam eles: Cartoon Network, TNT, Esporte Interativo, Warner Channel e CNN - todos inclusive já retirados do site da operadora.

Ainda não é uma certeza, já que as duas empresas estão em negociação. A operadora precisou enviar o texto, que dizia “Sky e Turner estão renegociando contrato. Se não houver acordo em 30 dias, a Sky seguirá a regulamentação vigente” porque, caso decida retirar os canais (regulamentação vigente = fim do contrato), o aviso aos clientes deve ser feito com pelo menos um mês de antecedência, conforme exige a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).


Nem a SKY nem a Turner deram detalhes da negociação, mas, ao que tudo indica, a empresa de mídia e entretenimento está cobrando mais da SKY. De um lado, está a segunda maior operadora de TV por assinatura do Brasil, porém de outro está a Turner, com canais campeões de audiência, como é o caso do líder infantil Cartoon Network e a TNT.

Mexer no bolso tem sido um problema para as operadoras de TV paga, ainda mais depois da necessidade que tiveram em fechar acordo com a joint-venture Simba, que representou as emissoras SBT, Record e RedeTV! e pediu um valor para a exibição de seus canais. Em agosto, a SKY fechou o contrato.

Já na época, o presidente da SKY, Luiz Eduardo Baptista, havia falado sobre o desastre de corte de canais da TV aberta, que prejudicaria ambos os lados. Em julho, ele disse que a SKY havia perdido 15 mil assinantes por conta desse corte.

Pensando nisso, é provável que a operadora também queira chegar a um acordo com a Turner, uma vez que a retirada de canais populares da TV por assinatura poderia causar a insatisfação dos assinantes. Veja o comunicado das duas empresas sobre o assunto:

SKY:

“A SKY tem o compromisso de entregar a melhor programação da TV por assinatura para seus clientes em todo o Brasil e busca sempre defender os interesses de seus assinantes. Neste momento, a empresa e a programadora Turner negociam um novo contrato comercial. Até que a negociação esteja finalizada, a SKY dá cumprimento aos prazos e obrigações regulatórias junto aos seus assinantes”.

TURNER:

“A Turner confirma que está em fase de renegociação do contrato com a SKY. Não podemos comentar detalhes da negociação, em razão da confidencialidade entre as partes. Porém, estamos confiantes de que chegaremos a um acordo com a operadora, com a qual mantemos uma excelente relação, de longa data, e apostamos no melhor acordo possível para que os assinantes continuem desfrutando dos conteúdos dos nossos canais”.

LEIA TAMBÉM:


Um comentário:

  1. Essas tvs por assinatura gosta e de dramatizar, de causar, sempre tem esses tipos de polemicas e na realidade somos nos que sofremos com tudo isso, pois pagamos os pacotes e assistimos a todos, o esporte interativo, warner e space pra mim sao bons,e o de esporte e o meu favorito o apresentador Andre Henningue traduz tudo o que penso nos comentarios, o tooncast, ja tem tempo que nao faz mas parte da sky. Enfim e complicado, mas vamos deixar rolar pra ver ate onde vai

    ResponderExcluir