quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Programa de acordo com credores da Oi voltará a funcionar

O que você achou? 
Agora que a assembleia geral de credores foi adiada para dezembro, empresas que têm até R$ 50 mil para receber da Oi ainda podem negociar adiantamento.

O programa de acordo com credores da Oi, que havia sido encerrado no dia 19 de outubro, voltará a funcionar agora que a assembleia geral de credores foi adiada de 10 de novembro para 7 de dezembro. As informações são do diretor administrativo e financeiro da empresa, Carlos Brandão, à Exame.

De junho a outubro de 2017, o programa fez com que a Oi fechasse 25 mil acordos com pequenos credores, aqueles com dívida de até R$ 50 mil e que podem receber o pagamento antecipadamente em duas parcelas. A primeira, de 90%, e o restante pago depois da homologação do plano de recuperação judicial.


Em comunicado recente, a Oi anunciou que desembolsará cerca de R$ 211 milhões para o pagamento desses acordos fechados através do programa. Pela conta, ainda há 28 mil credores que podem negociar a antecipação das dívidas, uma vez que, da lista de 55 mil credores relacionados à recuperação judicial da companhia, 53 mil se encaixam nos “pequenos” credores.

Apesar do alto impacto de seu processo de recuperação e por estar desembolsando os valores das dívidas já com o programa de credores, a Oi ainda está confiante que fechará o último trimestre do ano com caixa positivo, da mesma forma que aconteceu com o terceiro trimestre, cujos resultados foram divulgados nesta semana.

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário