terça-feira, 21 de novembro de 2017

Mais uma jovem de 14 anos morre eletrocutada com carregador de celular

O que você achou? 
Menina teria dormido com o celular carregando em cima da cama, mas cabo era falso e estava danificado.


Há uns meses, divulgamos o caso de uma jovem de 14 anos que morreu eletrocutada ao usar o celular no banho por estar conectado na tomada. Na última semana, uma adolescente vietnamita da mesma idade também morreu eletrocutada pelo cabo do carregador de seu iPhone.

De acordo com a polícia de Hanoi, Le Thi Xoan foi encontrada inconsciente pelos pais e não aguentou no hospital, onde os médicos confirmaram a morte por eletrocussão. A menina teria dormido sobre o cabo do celular, que estava conectado na tomada para carregá-lo e estava danificado e coberto por uma fita adesiva.




Ainda não se sabe se o cabo do celular era um produto original da Apple ou falso, mas tudo indica que não seja original pelo tamanho do cabo. Para a polícia, que encontrou a peça queimada na cama da adolescente, ela havia colocado o iPhone em cima da cama enquanto carregava, e ficou exposta à corrente elétrica enquanto dormia.

Recentemente, um teste com 400 adaptadores falsos de iPhones reprovou 99% deles em questão de segurança, indicando que a grande maioria poderia causar riscos de descarga elétrica e incêndio, como casos já relatados nos últimos meses.


LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário