terça-feira, 28 de novembro de 2017

5G deve ter cerca de 1 bilhão de usuários até 2023

O que você achou? 
Relatório da Ericsson aponta que nova tecnologia deve se expandir mais rápido do que o 4G.

Nesta semana, a Ericsson destacou em seu novo relatório de mobilidade que em 2023, o 5G já deve ultrapassar a marca de 1 bilhão de usuários pelo mundo. A tecnologia ainda está sendo desenvolvida e não tem um padrão mundial definido.

A tecnologia 5G promete atingir velocidades de 10 Gbps e ser mais estável do que as tecnologias 4G, 3G e 2G. Outro ponto que foi destacado no relatório é que o número de assinaturas deve dobrar de 2022 para 2023. 


A primeira versão do 5G deve ser lançada em 2019 e a princípio, a tecnologia será aprimorada até 2030. O chefe de marketing do segmento de redes da Ericsson, Patrik Cerwall, afirmou que metade dos usuários da tecnologia serão da Ásia

O executivo também destacou que já em 2018, devem surgir os primeiros assinantes de 5G, mesmo em desenvolvimento, e que a tecnologia deve ser expandir pelo mundo ainda mais rápido do que o 4G. 

De acordo com a consultoria Ovrum, até o fim do ano devem ser registradas cerca de 2,5 bilhões de conexões 4G em todo o mundo. Os avanços rápidos no 4G são importantes para montar uma infraestrutura de suporte para o 5G. 

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário