domingo, 1 de outubro de 2017

Assalto na Claro causa pânico no Shopping Mooca

O que você achou? 
Bandidos estariam portando metralhadoras e visitantes dizem ter ouvido disparos dentro do shopping, na zona leste de São Paulo.


Um assalto à loja da Claro causou tumulto e pânico entre visitantes do Mooca Plaza Shopping, localizado na zona leste de São Paulo, na noite deste sábado (30). Ainda não houve confirmação do que foi levado, mas, segundo a Polícia Militar, foram cinco os bandidos que entraram na loja de telefonia e fugiram. De acordo com clientes que estavam no shopping durante a ação, que ocorreu por volta das 22h, os bandidos portavam metralhadoras, houve disparo e a presença da polícia no local.

A ocorrência, que foi encaminhada para o Distrito Policial da Vila Alpina, o 56º DP, não confirmou o registro de nenhum ferido e nem mesmo detidos. Mas, para aqueles que estavam no local, principalmente as famílias com crianças, disseram que o pânico foi generalizado, e que, percebendo a movimentação, todos correram para dentro de lojas e restaurantes, que, inclusive, fecharam as portas buscando proteção.

O Minha Operadora falou com uma moradora da região, Simone Vieira de Carvalho, que estava na praça de alimentação do shopping na hora do ocorrido. “Só vi a correria e corri junto, entrei em um restaurante e me joguei atrás da parede. As pessoas que estavam bem próximas da Claro disseram que os assaltantes entraram com metralhadoras na loja”, diz.

Disparo de tiros e tumulto 

Simone conta que, após um tempo, os seguranças passaram pelas lojas fechadas e disseram que a situação estava normalizada e que poderiam sair dos restaurantes e das lojas. “Nesse momento ouvimos dois estampidos dentro da praça de alimentação e todos correram novamente para dentro dos restaurantes (...) Não tinha como dizer que aquilo não era tiro”.

Ela ainda diz que teve que pedir estorno de ingressos do cinema, pois não havia condições de usá-los. Muitos visitantes, mesmo estando próximo do horário de fechamento do centro comercial, acabaram ficando por vários minutos “presos” dentro das lojas, enquanto não se sabia o que estava acontecendo, e saindo após às 23h. “Foi tudo bem assustador, você via as mesas com os pratos cheios, crianças em prantos, alguns idosos passando mal, um jovem do meu lado entrou em estado de choque. Isso é inadmissível, não temos mais paz para passarmos um sábado à noite”, relata, inconformada com a situação.

Em defesa, o Mooca Plaza Shopping emitiu um comunicado, mas sem mencionar o prejuízo da Claro ou como os bandidos conseguiram entrar e sair do local sem serem pegos. Veja:

“O shopping informa que na noite deste sábado (30/09) ocorreu um assalto em uma das lojas de suas dependências. A ação foi próxima ao fechamento do centro de compras e não houve vítimas. O empreendimento está à disposição das autoridades e colabora para a investigação do caso.”

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário