quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Oi promete novo plano de recuperação judicial ainda neste mês

O que você achou? 
Presidente da Oi fala sobre mudanças no plano e situações de dívida e cassação comentadas pela Anatel.

Nesta quarta-feira (20) ocorreu o Painel Telebrasil, que reúne empresas e autoridades do setor de telecomunicações. Durante o evento, a Oi prometeu apresentar um novo plano de recuperação judicial ainda neste mês. Segundo o presidente da Oi, Marco Schroeder, a empresa tem até a semana que vem para alterar o plano e fazer os ajustes necessários.

O documento só será apresentado, portanto, na sexta-feira do dia 29 de setembro. No entanto, pelo que foi adiantado, as mudanças devem incluir o detalhamento da proposta de aumento de capital de R$ 8 bilhões e a pretensão de investir mais em telefonia celular e banda larga.

Em relação à dívida com a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), tudo permanece igual, dentro do plano de recuperação judicial e sem prazo diferenciado do que há em lei. Para Schroeder, os valores não são tributos, e sim dívidas como há com as outras empresas.

E o que disse o presidente sobre o processo de caducidade sugerido pela Anatel, que poderia cassar as licenças da Oi? Mais uma vez, comentou que a agência só deve acompanhar o processo e que irá aguardar a assembleia geral de credores para tomar uma atitude, ou seja, após o dia 9 de outubro. “A Oi tem valor e gera caixa, a discussão é quem vai ficar com a empresa e com que parte dela”, disse.

LEIA TAMBÉM:


Um comentário: