quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Vivendi afirma não ter controle sobre a Telecom Italia

O que você achou? 
 Vivendi alega ser incapaz de interferir nas finanças e na parte operacional da Telecom Italia, dona da TIM Brasil.


Pressionada pelo governo italiano, a Vivendi afirmou, nesta segunda-feira, 7, que não tem nenhum controle sobre a Telecom Italia, proprietária da TIM no Brasil. A empresa é a maior acionista individual da operadora italiana, com 24% do capital.

No comunicado enviado à AMF, autoridade francesa de valores mobiliários, a Vivendi confirma que não exerce nenhum tipo de controle sobre a Telecom Italia. A operadora francesa afirma que a participação não é suficiente para exercer o controle com estabilidade para influenciar em reuniões de acionistas da operadora. Afirma ainda que não tem o controle sobre as políticas financeiras e operacionais.

As recentes mudanças na Telecom Italia, com a saída de Flavio Cattaneo do cargo de CEO da operadora e a chegada de Amos Genish, que também faz parte do grupo francês, fizeram o governo italiano indicar que pediria uma investigação sobre o controle dos franceses na operadora.

A participação da Vivendi na Telecom Italia é usada como motivo para a empresa vender parte das ações que possui na Mediaset, maior grupo privado de TV da Itália, no qual tem 29,9% de participação, ficando atrás somente da família do ex-primeiro ministro italiano Silvio Berlusconi.

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário