quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Telefónica Colômbia levanta US$ 2,15 bilhões para reduzir dívidas

O que você achou? 
Aporte investido na filial colombiana não afetará a situação financeira do grupo. A dívida líquida da operadora é de 48,5 bilhões de euros.


A filial colombiana da Telefónica, controladora da Vivo no Brasil, espera um aporte de US$ 2,15 bilhões em capital novo para reduzir a dívida da empresa e pagar uma multa relativa a uma disputa local. O grupo espanhol deve aceitar 1,2 bilhão de euros da Colombia Telecomunicaciones, onde a operadora é a principal acionista, com 67,5% das ações, contra 32,5% do governo colombiano.

Em comunicado, a Telefónica afirmou que a operação não tem impacto financeiro importante no grupo e fortalece a estrutura de capital, melhorando sua posição financeira em benefício dos clientes e funcionários. Porém, a dívida líquida de 48,5 bilhões de euros da operadora deve aumentar com o investimento.

O aporte inclui uma parcela de 1,37 bilhão de euros para pagar a dívida da Telefónica Colômbia com o fundo de pensão e gestor de ativos Parapat. Outra parcela menor - de 472 milhões de euros - irá para o pagamento de multa por uma disputa com o governo colombiano, que ganhou em julgamento e deve receber o valor dos ativos ligados diretamente ao contrato de concessão.

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário