quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Oi frustra Anatel por não atualizar plano de recuperação

O que você achou? 
Operadora apenas apresentou a agência um detalhamento de sua situação financeira e operacional e das negociações com os credores.

Durante a abertura do Congresso Latino-Americano de Satélites, no Rio de Janeiro, nesta quinta-feira, 31, o presidente da Anatel, Juarez Quadros, afirmou que a Oi decepcionou por não ter apresentado uma nova versão do plano de recuperação entregue no início do mês, como a Agência Nacional de Telecomunicações solicitou.

No dia 9 de agosto, a Anatel apontou uma série de falhas no plano de recuperação financeira apresentado pela operadora, principalmente pela falta de garantias da capitalização de R$ 8 bilhões aprovada pelo Conselho Administrativo da Oi. Com isso, a agência havia determinado que a operadora apresentasse uma nova versão do documento dentro de 15 dias. O prazo terminou na última quinta-feira, dia 24 de agosto.

Porém, a Oi apresentou apenas um documento detalhando a situação financeira e operacional dela e atualizando o andamento das negociações com os credores. Quadros espera que a capitalização de R$ 8 bilhões seja realizada dentro das operações apresentadas para a agência.

Na proposta apresentada à Anatel, a Oi dividiu o aumento de capital em três parcelas: a primeira etapa de R$ 3 bilhões, a segunda fase com R$ 2 bilhões e uma última parte de R$ 3 bilhões, sendo injetados na companhia nos 12 meses seguintes a aprovação do plano de recuperação judicial.

Quadros também afirmou que a indefinição sobre a situação financeira da Oi aumenta as chances de intervenção da agência nas ações da operadora.

LEIA TAMBÉM:


3 comentários:

  1. Só teve vida enquanto os petralhas estavam no comando do país. Agora é o fundo do poço.

    ResponderExcluir