quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Idec chama SVAs de praga e lança campanha 'Cadê meu Crédito?'

O que você achou? 
Durante o ano passado, operadoras TIM, Vivo e Oi ganharam R$ 8,8 bilhões com a venda de serviços de valor adicionado, diz Idec.


O Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) lançou a campanha "Cadê Meu Crédito?" para incentivar os consumidores a identificar cobranças indevidas de serviços de valor adicionado (SVAs), chamando-os até de "pragas".

A campanha inclui uma página na internet para ajudar os consumidores a tirarem suas dúvidas, explicando como o usuário pode identificar as cobranças indevidas e como ele deve agir para sanar o problema e receber de volta os créditos que foram retirados pelas operadoras.

Os SVAs são serviços que as operadoras oferecem geralmente em parceria com empresas, que visam agregar novos conteúdos para o usuário como aplicativos, jogos, musica e notícias. No caso de usuários de pré-pago, os créditos são descontados, já para clientes pós-pago, os valores vem descontados na conta.

Para reforçar a campanha, o Idec junto com outros órgãos de defesa do consumidor, fazem nesta quinta-feira, 17, um "twittaço" com a hashtag #cademeucredito para chamar a atenção dos consumidores de telefonia celular.

Segundo o Idec, só no ano passado, as operadoras TIM, Vivo e Oi ganharam cerca de R$ 8,8 bilhões com o mercado de SVAs.

Nos últimos meses, as cobranças dos SVAs também tem chamado a atenção da Anatel, do Ministério Público e do Congresso Nacional, o que ameça acabar com esse mercado. Em fevereiro deste ano, a Anatel teve mais de 195 mil reclamações sobre os serviços.

Por conta do constante aumento no número de reclamações e para evitar uma intervenção da Anatel, as operadoras estão investindo em ações para ter um controle maior sobre a quantidade e a qualidade das ofertas.

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário