domingo, 2 de julho de 2017

Fim do WhatsApp em celulares antigos é adiado

O que você achou? 
Aplicativo de mensagens deixaria de funcionar em 30 de junho em alguns aparelhos, mas agora ampliou prazos entre dezembro de 2017 e fevereiro de 2020.


Lembra quando o WhatsApp anunciou que deixaria de funcionar em alguns celulares a partir de 30 de junho? Pois hoje, 1º de julho, o serviço ainda continua operando. O que aconteceu foi que o aplicativo de mensagens instantâneas decidiu adiar novamente seu fim em celulares antigos.

Agora, há datas diferentes para que o aplicativo pare de funcionar, dependendo do aparelho e com exceção do Nokia Symbian S60, que, de fato, teve seu funcionamento encerrado no dia 30 de junho. São elas:

  • 31/12/2017: BlackBerry OS e BlackBerry 10; Windows Phone 8.0 e versões anteriores;
  • 31/12/2018: Nokia S40;
  • 01/02/2020: Android 2.3.7 e versões anteriores.

Recentemente, a Proteste (Associação de Defesa do Consumidor) se pronunciou sobre o assunto e enviou uma notificação à empresa, porém, até então, havia ficado sem resposta. Para a Associação, a suspensão desrespeita o consumidor, que pode preferir permanecer com o aparelho antigo.

Já para o WhatsApp, apenas 0,5% dos seus 120 milhões de usuários no Brasil utilizam esses celulares e, com isso, a atitude torna-se necessária para garantir a segurança e todos os recursos que melhoram o aplicativo à maioria.

Apesar de o WhatsApp continuar ativo nesses aparelhos por tempo determinado, alguns recursos podem parar de funcionar, uma vez que o aplicativo não terá mais atualizações. De acordo com a empresa, o indicado é que os usuários desses aparelhos os troquem por um mais atual. Aqueles que quiserem salvar as conversas, poderão enviá-las por e-mail.

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário