quinta-feira, 27 de abril de 2017

Oi Velox é a única operadora a perder clientes em março. NET cresce

O que você achou? 
Falta de investimentos da Oi para aumentar a velocidade de quem já é cliente faz usuários migrarem para outras empresas de internet banda larga.

O serviço de banda larga Oi Velox apresentou o pior desempenho do setor de internet fixa durante o mês de março de 2017. Segundo dados divulgados nesta quarta-feira (26) pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), a Oi perdeu 12.945 clientes - única empresa a perder clientes no período.

A cobertura do Oi Velox é a maior do Brasil, presente em todos os estados, apenas com exceção de São Paulo. Apesar disso, a empresa não tem investido o suficiente para aumentar a velocidade disponível para quem já é cliente, deixando a maioria dos usuários limitados a 10 ou 15 Mbps de velocidade.

Com a popularização de serviços de vídeo - como Netflix - e a venda cada vez maior de SmartTVs com tecnologia de imagem com resolução 4K (4096 x 2160), que exigem internet com velocidade de, no mínimo, 25 Mega para funcionar sem problemas, é natural que os clientes Oi Velox acabem indo buscar internet de maior velocidade para aguentar a demanda de serviços on-line.

A banda larga NET Vírtua foi a maior beneficiada por essa migração de clientes. No terceiro mês do ano, a operadora, aliada ao mercado corporativo da Embratel, instalou 130.649 novos acessos.

Utilizando a tecnologia 4G/LTE para conseguir chegar em regiões onde não é fácil cabear, a SKY Banda Larga também apresentou um bom número de assinantes novos: 16.909. Ela foi seguida por Vivo Fibra (12.130), TIM Live (6.481) e Algar Telecom (5.694).


Em números percentuais, a base de usuários de banda larga da Sky apresentou a melhor expansão (+5,38%), por isso, ela foi o grande destaque de março.

  1. SKY Banda Larga (+5,38%)
  2. TIM Live (1,93%)
  3. NET Vírtua/Embratel (1,55%)
  4. Algar Telecom (1,13%)
  5. Vivo Fibra (0,16%)
  6. Oi Velox (-0,20%)



Com a atualização dos números do setor de internet banda larga fixa, o Brasil agora possui 27,165 milhões de pontos legais em funcionamento. Esse número representa alta de 286 mil acessos (1,06%) em comparação com o mês de fevereiro deste ano. Se compararmos com o mês de março do ano passado, vemos que o setor adicionou 1,36 milhão de clientes (+5,28%).

LEIA TAMBÉM:


6 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Preciso destacar que a Oi não atualiza seus equipamentos (ao menos no interior) que estão sucateados. Na minha cidade, tenho um plano de 10Mega, mas só chega no máximo 2Mega. Quando ligo no call center, os atendentes não conseguem solucionar o problema, tem que haver investimento, mas eles cobram por uma coisa que não dão conta de cumprir. E onde está a ANATEL? Eu me pergunto a mesma coisa, pois eles não fazem nada mesmo com insistentes reclamações. E assim segue, nós sendo roubados e as operadoras cada vez mais ricas nas costas do povo enquanto o governo se faz de cego, mudo e surdo. E ainda tem a cara de pau de estarem em recuperação judicial, deveriam é recuperar o que foi roubado do povo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aquí tb é a mesma coisa, o serviço é bem falho e a velocidade contratada quase nunca é conseguida

      Excluir
  3. A Oi só vai investir depois que sair da recuperação judicial... antes disso esqueçam.

    ResponderExcluir
  4. Por isso que eu disse assim pra Oi: Fui.... Kkkkkkkk, realmente, não há investimentos tanto na rede fixa e na rede móvel, lixo de operadora, não recomendo a ninguém.

    ResponderExcluir
  5. Mesmo caso aqui em minha cidade Ceres -Goias. Só funciona até 10 Mb se tiver perto da central que é só uma. Uma merda. Com isso apareceu uma empresa com fibra agora para salvar a cidade e com isso a oi está perdendo o resto dos clientes. Sem falar que nem 3g colocaram aqui ainda enquanto a vivo já tem até 4g em nossa cidade.

    ResponderExcluir