sábado, 8 de abril de 2017

Band quebra o silêncio e fala sobre polêmica com emissoras abertas

O que você achou? 
"Emissoras exigem cobrança por conteúdo gratuito", afirma reportagem veiculada no Jornal da Band ontem. Assista ao vídeo completo.


O Jornal da Band, patrocinado pela operadora Claro, exibiu reportagem de pouco mais de 2 minutos de duração sobre a briga entre a Simba Content - representante de Record TV, SBT e RedeTV - com as principais operadoras de TV paga. A emissora revelou que os três canais estão querendo pagamento de R$ 15 mensais por cada assinante de televisão paga do Brasil.

O repórter Sandro Barboza foi às ruas de São Paulo perguntar aos consumidores se eles estão dispostos a pagar mais para assistir canais que podem ser sintonizados gratuitamente por meio de qualquer antena de televisão que receba o sinal digital. As respostas foram negativas.


A reportagem ainda concedeu espaço para a fala do presidente da Associação Brasileira de Televisão por Assinatura (ABTA), Oscar Simões. Ele reforçou que, por causa da crise econômica, as operadoras de TV a cabo perderam quase 1 milhão de assinantes nos últimos dois anos.

"[Esses canais] podem voltar a ser transmitidos a qualquer momento, desde que elas [as emissoras] assinem um termo, e permitam. O que nós não podemos é criar novos custos. Se eu repasso esse custo ao meu cliente final, ao meu assinante, eu vou perder mais assinantes e vai ter um ciclo vicioso. Nós precisamos voltar ao ciclo virtuoso, ou seja, um conteúdo novo gera nova demanda, que aumenta, que cresce, gera mais empregos, recolhe mais impostos. É esse ciclo que a gente tem que construir", afirma Simões.

Assista a reportagem na íntegra:



A empresa Simba não quis se manifestar sobre a reportagem da TV Bandeirantes.


Nenhum comentário:

Postar um comentário