sábado, 18 de março de 2017

Site da Claro não abre. Veja alternativa de acesso

O que você achou? 
Campo de localização da página inicial do site da Claro está com defeito, impedindo acesso a home. Mas ainda existe uma forma de acessar.


A home do site da Claro está com um bug que não permite a entrada de nenhum usuário. O defeito está na barra que o internauta precisa escrever a cidade onde está. Quando tenta digitar o nome da cidade, o site apenas fica carregando infinitamente a lista de municípios correspondentes ao que foi digitado, mas nenhum nome aparece.

Tentamos acessar o site pelos três principais navegadores web do mercado (Google Chrome, Mozilla Firefox e Microsoft Edge),  e através de rede 4G e Wi-Fi, porém sem sucesso em nenhuma tentativa.

Sem selecionar uma cidade, não é possível abrir o site da Claro. Os botões Sou Cliente e Não Sou Cliente ficam inabilitados até que o local seja escolhido.

A solução

Nossos leitores testaram e descobriram que é possível acessar o site da Claro normalmente após digitar simplesmente o 'www' antes do claro.com.br.

Para conseguir abrir o site da Claro sem o 'www', é preciso complementar o endereço para ir direto a uma página interna, sem passar pela home. Tente acessar claro.com.br/promocoes ou claro.com.br/cobertura. Quando o site abrir, será solicitado que informe o CEP da sua residência. Basta digitar a numeração (esse campo está funcionando corretamente até agora) que o site abrirá. Depois é só clicar no logo da Claro no topo para abrir a página inicial.

O novo layout do site da Claro é recente. Em setembro do ano passado divulgamos aqui no Minha Operadora que o site foi "dividido ao meio", para organizar as informações exibidas para clientes e não clientes.

Entramos em contato com a Assessoria da Claro para saber se algo já está sendo feito para normalizar o acesso ao site, mas como é final de semana, ainda não obtivemos um retorno.

LEIA TAMBÉM:


2 comentários:

  1. O site da Claro e da Vivo quando voce entra te pergunta se voce é ou não é cliente.
    A Oi e a Tim nao perguntam nada.

    ResponderExcluir