quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Entenda o relatório detalhado de telefonia móvel

O que você achou? 
Você sabia que a operadora deve disponibilizar o relatório detalhado dos serviços de telecomunicações?


A operadora de telefonia celular deve fornecer relatório detalhado dos serviços e facilidades prestados nos últimos seis meses de serviço, de forma gratuita. O documento deve estar disponível no espaço reservado do consumidor na internet ou ser enviado de forma impressa, mediante solicitação do consumidor.

O consumidor pode pedir à operadora que lhe envie o relatório detalhado impresso e mensal de forma permanente, ou seja, ele não precisa ficar ligando todo mês para pedir o relatório. É proibida a inclusão no relatório das chamadas direcionadas ao disque-denúncia.

Veja quais informações o relatório detalhado de telefonia móvel deve conter:

  • Nome da Operadora;
  • O número para quem o consumidor ligou ou mandou mensagem;
  • O DDD ou localidade de origem e destino da chamada ou mensagem;
  • O DDD da origem da conexão de dados;
  • O número de origem da chamada atendida e o DDD em roaming*;
  • A data e horário do início da chamada ou mensagem;
  • A duração da chamada ou mensagem e a duração para fins de faturamento;
  • O volume diário de dados trafegados;
  • Os limites estabelecidos por franquia e os excedidos;
  • O valor da chamada, da conexão de dados ou da mensagem enviada;
  • A identificação discriminada de valores restituídos;
  • O detalhamento de outros valores que não decorram diretamente da prestação do serviço;
  • Os tributos detalhados.

* Caso a pessoa que ligou tenha solicitado bloqueio de identificação (número privado), o relatório detalhado não apresentará o número de origem da chamada atendida, mas sim o DDD.

Com informações de Anatel,

Leia também:


Um comentário: