sábado, 5 de dezembro de 2015

Vivo/GVT é a única a crescer na TV por Assinatura em outubro

O que você achou? 
Dados divulgados pela Anatel mostram Sky e NET/Claro como tendo as piores perdas do setor no mês.


O mês de outubro de 2015 terminou com 19,4 milhões de assinantes de TV por assinatura, um decréscimo de 400 mil assinaturas em relação ao mês de setembro. De cada 100 casas brasileiras, 29,22 delas possuíam o serviço de televisão fechada.

A maior queda de acessos ocorreu na Sky. A operadora de TV controlada pela norte-americana AT&T, apresentou perdas significativas: -58,1 mil acessos. O conglomerado formado pelas empresas NET e Claro também não obteve um desempenho satisfatório, e perdeu -45,8 mil clientes. A Oi, apesar de também ter perdido usuários no setor de TV Paga, não foi tão ruim quanto suas duas principais concorrentes, e chegou a ganhar 0,01% de participação de mercado. A operadora brasileira viu 1,8 mil assinaturas serem canceladas.

No lado oposto, tivemos o único grupo com crescimento de fato no setor: Telefônica/Vivo/GVT. A junção da Vivo TV e com a GVT TV fez a Vivo apresentar adições líquidas de 1 mil assinantes na base.

Observe no gráfico interativo abaixo o desempenho das principais operadoras de televisão do Brasil:

A maior perda de assinaturas se deu no sistema DTH (TV por assinatura via satélite). O corte de gastos por parte dos consumidores devido a suposta dificuldade financeira que o país enfrenta, é o principal motivo apontado para a desistência dos brasileiros de possuírem um serviço de TV premium em suas casas. Há quem diga, no entanto, que a crescente demanda de serviços de conteúdo on-line, como o serviço de streaming Netflix, tem ajudado bastante na queda de desempenho da TV por assinatura. As operadoras negam que este seja o real motivo.

O grupo de transmissão de televisão fechada mais poderoso do Brasil é o formado pela NET e Claro TV (América Móvil). A multinacional mexicana possui 10 milhões de clientes em todo o país. Sua participação de mercado recuou de 52,02% em setembro para 52% em outubro (-0,02%).

Depois vem a Sky, com 5,4 milhões de assinantes e participação de mercado de 28,25%. Na comparação com o mês anterior ao desta análise (setembro), a empresa perdeu 0,18% de terreno.

O Grupo Oi possui 1,1 milhão de cadastrados na Oi TV, e participação de mercado de 6,02%. Já a Vivo/GVT possui 1,8 milhão, e sua participação subiu 0,4% em relação a setembro, agora cravada em 9,47% do mercado.

Outras empresas de televisão autorizadas pela Anatel para operar, somaram 4,26%, que representa pouco mais de 825 mil pontos de TV.

Tenha noção da dimensão de poder de mercado das quatro principais operadoras de televisão por assinatura no gráfico interativo abaixo:
Leia também:


Nenhum comentário:

Postar um comentário