quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Vídeo institucional da TIM já é visto mais de 4 milhões de vezes

O que você achou? 
Campanha vem para reforçar que a TIM continua trabalhando para melhorar os seus serviços no Brasil.


A nova campanha institucional da TIM, "Amanhã Tem Mais", já obteve mais de 4 milhões de visualizações somente no canal da operadora na rede social YouTube. A marca foi alcançada em apenas uma semana desde que foi publicado.

Com o auge de views, o vídeo já é o terceiro mais popular do canal da operadora no YouTube, que possui pouco mais de 45 mil inscritos. Porém, se continuar seguindo o ritmo de popularidade que está recebendo, este deve tornar-se em breve o vídeo mais visto do canal, já que o que ainda ocupa o primeiro lugar atualmente - uma divulgação do plano Liberty Controle com a música "Descobridor Dos Sete Mares" de Tim Maia - demorou um ano para alcançar suas 5,3 milhões de reproduções.

No vídeo de 1 minuto, a operadora reforça que está investindo para melhorar os seus serviços e se fazer cada vez mais presente na vida dos seus consumidores. Enquanto pessoas são mostradas em situações cotidianas, em que a conexão da TIM está lá como facilitadora da vida delas, o locutor diz:

"Você quer, você resolve
Você vai atrás
E a TIM está lá do seu lado
Ajudando você a realizar tudo
Você quer ficar mais perto de quem ama
A TIM ajuda a encurtar as distâncias
Você exige mais liberdade
A TIM deixa você falar o quanto quiser
Você escolhe estar sempre conectado
A TIM faz o 4G chegar até você
E se onde você está não tem 4G
A TIM já está trabalhando nisso
E amanhã? Já pensou o que você vai querer fazer?
A TIM vai estar com você. Sempre evoluindo. Sempre melhorando
E ajudando você a chegar aonde quiser
Porque amanhã, tem mais."

Também foi preparada uma versão com duração de 30 segundos para a exibição da peça na televisão. Você pode assistir a ambas versões abaixo:

 


Leia também:
>> TIM fecha parcerias estratégicas para ampliar cobertura no Brasil
>>  TIM cria cargo para estrategista-chefe (CSO)


Nenhum comentário:

Postar um comentário