sábado, 19 de setembro de 2015

Vivo vai pagar 25 mil dólares todo ano por domínio próprio

O que você achou? 
Endereço de internet personalizado '.vivo' começará a ser usado no ano que vem.


A operadora Vivo - maior em telefonia móvel do país - aproveitou o evento Rio Info 2015, realizado nesta quinta-feira (17), para informar que está quase tudo pronto para o domínio .vivo começar a operar. A empresa acredita que a partir do segundo semestre de 2016 os sites terminados com a sua marca já comecem a ser liberados.

Para se candidatar a possuir um endereço web próprio, a Vivo precisou apelar para o ICANN (Internet Corporation for Assigned Names and Numbers), que controla o processo de identificação na internet pelo mundo. Estima-se que o Grupo Telefónica - detentor da marca Vivo - pagou cerca de 185 mil dólares (732 mil reais na cotação atual) para inscrever o domínio. Agora, para manter o endereço, será necessário pagar o equivalente a 25 mil dólares (99 mil reais na cotação atual) por ano.

Várias empresas também solicitaram ao ICANN uma terminação de endereço web personalizada, mas foram poucas as que tiveram o pedido atendido. Para ter o pedido aceito, cada companhia precisou demonstrar que é capaz de cumprir as exigências técnicas feitas pela corporação de controle de domínios. Geralmente, apenas as marcas líderes de mercado tiveram suas solicitações atendidas e vão receber os seus domínios, como é o caso da Telefônica Vivo, que é líder no setor de telefonia móvel no Brasil; Itaú Unibanco, líder no setor bancário; Grupo Globo, líder no setor de televisão; e Natura, líder no setor de cosméticos.

Um domínio de internet próprio facilita a entrada de visitantes nos sites do grupo por encurtar o endereço URL, já que a terminação .br detida pelo país deixará de ser utilizada, e leva uma sensação de segurança para o usuário, que poderá efetuar operações e consultas tendo a certeza de que está na página correta.

A operadora deve usar o seu domínio principalmente para melhorar o engajamento das suas campanhas de marketing com a internet. Por exemplo, para divulgar os detalhes da promoção Vivo Tudo, o consumidor talvez só precise acessar 'tudo.vivo', ao invés de www.vivo.com.br/vivotudo, para ler o regulamento. Ou para consultar a cobertura de determinada tecnologia numa cidade, é só acessar 'cobertura.vivo' e efetuar a consulta.

A assinatura do contrato das empresas com o ICANN aconteceu em julho deste ano, mas as conversas da Vivo com a controladora iniciou em 2013, conforme publicado na época pelo Minha Operadora.

Para pessoas físicas

Qualquer um pode obter um endereço de internet personalizado com a terminação .rio. A Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro está oferecendo a oportunidade ao custo de R$ 130 anuais. Como efeito de comparação, um domínio comum - .com ou .br - geralmente tem a aquisição custando em torno de R$ 30 a R$ 40 por ano.

Leia também:

Um comentário: