domingo, 7 de junho de 2015

Telefônica exibe comercial com beijo gay para divulgar o Speedy

O que você achou? 
Publicidade começou a ser divulgada na Argentina neste mês de junho, que começou com polêmicas sobre relações homoafetivas na publicidade brasileira.

O Grupo Telefónica (responsável pelas marcas Vivo e GVT no Brasil) começou a veicular na televisão argentina desde a quinta-feira, 4 de junho, o comercial "Edifício", para divulgar as vantagens da sua banda larga fixa Speedy.

Apesar de ter sido divulgada pela empresa apenas no país vizinho, a campanha ganhou repercussão no Brasil por ter começado a ser veiculada bem na época em que em nosso país existe uma ameaça de boicote (recusa em comprar algo) de um grupo de conservadores a empresas que decidiram incluir homossexuais em suas peças publicitárias, como a marca de cosméticos O Boticário*. 

Enquanto um abraço ainda causa um certo "reboliço" por aqui, lá na Argentina ninguém comentou o selinho entre dois homens no comercial da operadora, muito menos a Telefónica, que em release (nota) para a imprensa Argentina sequer mencionou ou precisou dar explicações sobre a cena. 

Leia o release da companhia sobre o comercial (em tradução livre para o português): 

"A Telefónica lança uma nova campanha publicitária sobre os benefícios do serviço "Speedy Duo Plus", um pacote que permite o acesso de banda larga Speedy, chamadas locais ilimitadas para telefones fixos e celulares, e On Video Lite.

Continuando o conceito de negócios "Speedy. Mais entretenimento. Mais Internet", a peça chamada "Edifício" apela para situações de comédia para mostrar o que acontece entre os residentes de um prédio usando o serviço Duo Plus. 

A campanha é composta por três comerciais de TV que busca através de vários personagens gerar um serviço de proximidade com o público-alvo. A iniciativa também inclui gráficos, rádio, banners online, outdoor e redes sociais. 

"Speedy Duo Plus" é oferecido com um desconto de 45 por cento por três meses e a possibilidade de tempo triplo de promoção."

Assista ao comercial:


Será que a Telefônica, por meio da Vivo, ousaria lançar um comercial em rede nacional do mesmo tipo no país da moral e bons costumes Brasil? Só esperando para ver.

* Gol Linhas Aéreas Inteligentes, Sonho de Valsa, Motorola, Coca-Cola e Kibon também lançaram campanhas com personagens LGBT no Brasil e no mundo durante este segundo trimestre do ano. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário