sexta-feira, 3 de abril de 2015

Oi deve oferecer TV por R$ 29,90 pelos próximos 80 anos

O que você achou? 
Decisão foi resultante do processo que uma cliente moveu contra a empresa por causa da data descrita na sua fatura.

A Oi TV está sendo obrigada pelo 10º Juizado Cível Especial de Goiânia a manter a oferta de uma cliente chamada Joana Ferreira da Costa até 2096. Isso porque a operadora costuma enviar a fatura para os seus clientes informando - provavelmente de forma errônea - que a oferta ativa tem validade até determinado período do ano de 2096.

Com isso, a usuária entrou com uma ação na justiça após ter a sua oferta encerrada e ter o seu serviço de TV cancelado após cobranças (indevidas, como afirma a cliente) não serem pagas.

Juiz Fernando de Mello Xavier,
autor da decisão.
O juiz Fernando de Mello Xavier, responsável pela ação, também determinou que a Oi pague uma indenização de R$ 7.880 por danos morais, já que afirma que toda a ação de abrir um processo contra a companhia causou custos e incômodo a cliente. Disse ainda que a usuária só assinou o contrato de TV por conta da vantagem de pagar um valor único por mês para toda a vida.

Apesar de o processo indenizatório ter ocorrido no Tribunal de Justiça do Estado de Goiás, a medida pode incentivar outros clientes a tomarem a mesma medida em outras regiões do país, já que o erro acontece há algum tempo também nos demais estados em que o serviço de televisão por assinatura da Oi está disponível.

A Oi disse ao Minha Operadora que essa data não é informada no momento da contratação do plano por nenhuma equipe de vendas, não tendo como a cliente ter assinado a oferta pensando nessa "promoção", que sequer existe. A data aparece apenas nas faturas de alguns clientes que já possuem o serviço contratado. A operadora informou ainda que vai continuar a tomar todas as medidas cabíveis para solucionar a questão da melhor forma possível.

                         Para crescer, operadoras disputam espaço na TV Paga
                         Serviços de gravação, pausa e replay chegam à Oi TV

Nenhum comentário:

Postar um comentário