terça-feira, 5 de agosto de 2014

Telefônica/Vivo oferece R$ 20 bilhões à Vivendi pela GVT

O que você achou? 
Telefônica já tentou adquirir a GVT em 2009, mas foi superada pela francesa Vivendi que passou a ter o controle da operadora brasileira.


O Grupo Multinacional espanhol Telefônica confirmou a informação publicada pelo jornal italiano La Reppublica e repercutida nesta segunda-feira (04) pelo Minha Operadora de que estaria preparando ofertas para se precaver contra uma possível ação de compra da GVT pela Telecom Italia (dona da TIM).

A GVT possui cobertura em 153 cidades brasileiras.
Em comunicado enviado na manhã desta terça-feira, a Telefônica/Vivo informou que preparou uma proposta que totalizou aproximadamente 6,7 bilhões de euros (R$ 20,1 bilhões) para a francesa Vivendi, atual controladora da Global Village Telecom (GVT). Do valor da oferta, R$ 11,9 bilhões serão pagos em moeda corrente em contraprestação. O restante do valor será entregue em forma de novas ações a serem emitidas, representado 12% do capital social da Telefônica Brasil após a integração da GVT.

A Telefônica ofereceu ainda no documento enviado à Vivendi que caso a mesma esteja interessada em adquirir uma participação na Telecom Italia, a Telefônica poderá oferecer a ela a aquisição, em dinheiro, de até 1,11 bilhão de ações ordinárias da controladora da TIM. Essa quantidade de ações representa 8,3% do capital social com direito a voto da Telecom Itália.

A Telefônica Brasil - por meio da Vivo - é a líder no mercado de telefonia móvel no país e a operadora de banda larga líder na cidade de São Paulo, e a GVT é a operadora alternativa de maior sucesso e de maior crescimento no Brasil. O Grupo Telefônica justifica o interesse no negócio afirmando que "uma associação entre as duas companhias criaria a maior operadora de telecomunicações no maior mercado da América Latina, fornecendo uma plataforma única para a geração de sinergias e criação de valor."

A Vivendi confirmou que recebeu a proposta e tem até o dia 03 de setembro para aceitá-la, ou recusá-la se assim achar mais viável.

3 comentários:

  1. Se a Vivendi aceitar a proposta da VIVO a GVT vai virar uma porcaria. Ja se for engolida pela TIM a TIM podera usar as fibras da GVT para melhorar a qualidade de seus servicos interligando as torres.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se for para uma das duas comprar, Quero que a Vivo compre, para melhorar ainda mais seu 3G e 4G...

      Excluir
    2. Toda ação de Melhoria que a Telemig Celular tinha já iniciado a VIVO Cancelou. A Vivo comprando a GVT, prepare-se para perder clientes para a NET. Se a VIVO comprar a GVT os valores que já são altos ficariam mais altos ainda e a qualidade Telecômica entraria em ação... Assim o Slim iria adorar. kkkk

      Excluir