sábado, 14 de junho de 2014

Claro investe R$ 300 milhões em infraestrutura para Copa do Mundo

O que você achou? 
Operadora também está disponibilizando um plano exclusivo para estrangeiros, do que já adiantamos aqui no Minha Operadora em outra postagem.


Claro gastou mais de R$ 300 milhões ao londo dos últimos doze meses para reforçar sua infraestrutura e atender a expectativa do aumento na demanda no tráfego de voz e dados por dispositivos móveis durante a Copa do Mundo, que começou nesta quinta-feira (12).

Segundo a Claro, o dinheiro foi aplicado nas 12 cidades-sede do Mundial e o foco é atender usuários locais e a demanda por serviços de internet móvel que veio com a chegada dos turistas estrangeiros. A empresa criou serviços especiais para turistas e fechou contratos de roaming 4GMax com 18 operadoras de vários países. A expectativa da Claro é captar 25% dos 600 mil turistas estrangeiros para o seu roaming internacional.

A Claro estima aumento de mais de 100% no tráfego de voz e dados durante os dias de jogos da Copa do Mundo, nas áreas com maior concentração de pessoas, como estádios e pontos de encontro de torcidas. “O principal desafio foi garantir a infraestrutura necessária para atender com qualidade essa demanda que é que é excessiva, porém pontual”, avalia o diretor de Rede de Acesso da Claro, Celso Birraque.

Além do aumento no volume do tráfego, durante as partidas também é registrada uma mudança no perfil de uso. “Em geral, o tráfego principal da rede de dados é para downloads. No entanto, durante os jogos nos estádios, esse tráfego passa a ser primordialmente de uploads, com os usuários compartilhando fotos e vídeos em suas redes sociais.”

Para garantir a cobertura nos 12 estádios da Copa do Mundo, foram adotadas soluções indoor com centenas de antenas de cobertura celular dedicadas espalhadas ao longo das áreas de arquibancada, imprensa, setores VIPs, lanchonetes, entre outras. Em todos eles foi implementada rede de fibra óptica para conexão entre as antenas e as centrais de voz, dados e saídas de internet, sempre com duas vias de acesso para garantir continuidade dos serviços.

Em seis arenas brasileiras, a Claro também vai oferecer sua rede Wi-Fi. No entorno dos estádios, além das estações fixas já existentes, também foram dedicadas 46 estações móveis (COWs) nas tecnologias 2G, 3GMax e 4GMax. A rede Wi-Fi, gratuita para todos os clientes da operadora também vai contribuir para suprir a demanda por tráfego de dados. Para a Copa, foram disponibilizados 500 novos hotspots Wi-Fi e, atualmente, nas 12 cidades, a operadora já disponibiliza mais de 6 mil pontos.

Para saber mais do o Claro Visitors venha aqui.

Com informações de ComputerWorld.

Nenhum comentário:

Postar um comentário