quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Telefônica/Vivo divulga resultados do ano passado (2013)

O que você achou? 
A Telefônica|Vivo teve lucro de R$ 1,231 bilhão no quarto trimestre de 2013, queda de 16,5% em relação ao registrado no mesmo intervalo de 2012, de acordo com relatório de apresentação dos resultados, divulgado pela companhia, nesta quarta-feira, 26.

O Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) somou R$ 2,871 bilhão, recuo de 25,5% na mesma base de comparação. A margem Ebitda baixou 11,6%, para 31,7%. O Ebitda recorrente foi de R$ 2,778 bilhões, retração de 12,6%. A margem do Ebitda recorrente diminuiu 4,4%, para 31,2%. A receita operacional líquida da companhia no quarto trimestre alcançou R$ 9,056 bilhões, aumento de 1,7%.

No acumulado do ano de 2013, a Telefônica teve um lucro líquido de R$ 3,715 bilhões, 16,5% menor que os R$ 4,452 bilhões de 2012. O Ebitda no ano atingiu R$ 10,575 bilhões, baixa de 16,7%. A margem Ebitda caiu 7,0 pontos porcentuais, para 30,5%. O Ebitda recorrente ficou em R$ 10,492 bilhões, recuo de 9,2%. A margem do Ebitda recorrente teve retração de 3,7 pontos porcentuais, para 30,4%. Em 2013, a receita operacional líquida da Telefônica totalizou R$ 34,722 bilhões, aumento de 2,4% ante 2012.

Os custos operacionais da Telefônica no quarto trimestre de 2013 atingiram R$ 6,185 bilhões, crescimento de 22,4% em relação ao mesmo período de 2012. Segundo a companhia, a alta é explicada principalmente pelos esforços comerciais realizados para a melhora do desempenho do negócio fixo, o aumento da base móvel com foco em geração de valor, a expansão e manutenção da rede com foco em qualidade frente ao aumento de tráfego de dados.

A Telefônica também citou o evento não recorrente de venda de torres no quarto trimestre de 2012, que reduziu a base de comparação. Quando são excluídos os efeitos não recorrentes, o crescimento em custos cairia para 6,7% no comparativo entre os mesmos trimestres. A provisão para devedores duvidosos (PDD) no quarto trimestre fechou em R$ 172,0 milhões, mantendo o patamar de 1,3% da receita bruta total registrado no terceiro trimestre.

A receita média por usuário (ARPU) do negócio móvel da Telefônica|Vivo atingiu R$ 24,8 por mês no quarto trimestre de 2013, com aumento de 3,8%. A melhora ocorreu principalmente por causa do crescimento de receitas de dados em função do volume de vendas de placas e planos de dados atrelados a smartphones, explicou a operadora.

A receita operacional líquida de serviços da Telefônica no quarto trimestre de 2013 cresceu 2,0%, atingindo R$ 8,733 bilhões na comparação com o mesmo período de 2012. Já a receita com aparelhos caiu 7,1%, para R$ 323,6 milhões. No setor de serviços, a receita proveniente dos serviços móveis avançou 5,3%, enquanto a do negócio fixo recuou 3,7%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário