quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Claro e Bradesco apresentam sistema de cartão de débito para celular

O que você achou? 
Claro e o Bradesco estão anunciando o primeiro produto da parceria formada em novembro de 2012, que gerou a joint-venture MPO, e lançam o Meu Dinheiro Claro, produto voltado para o público não bancarizado que funciona como um cartão de débito para realizar transações financeiras móveis pelo celular.

Inicialmente o serviço está funcionando em quatro cidades-piloto: Belford Roxo, São João de Meriti e Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, e Goiânia, em Goiás. As empresas devem estender o serviço para outros pontos do país em 2014.

O Meu Dinheiro Claro é um cartão pré-pago vinculado a uma linha de telefone móvel Claro. Ele permite fazer compras, transferências em dinheiro entre pessoas que possuem o produto e saques diretamente pelo celular sem a necessidade de um cartão físico, dispensando o cliente de carregar dinheiro em espécie na carteira.

A solução permite fazer compras em estabelecimentos atendidos pela rede da Cielo e fazer saques em qualquer terminal de autoatendimento do Bradesco ou do Banco 24 Horas. O processo utiliza comandos pelo celular, usando a tecnologia USSD, presente em qualquer modelo de aparelho, até os mais simples. No caso de saque, o usuário recebe um número que funciona como um token para a retirada no caixa eletrônico. Os depósitos, por sua vez, são feitos na rede de correspondentes bancários do banco, a Bradesco Expresso.

É possível também fazer consultas de saldo e extrato, além de recarga do celular para qualquer cliente Claro. A adesão é gratuita e o uso da tecnologia não consome os créditos ou a franquia de dados da linha celular. O cliente também recebe, para uso opcional, um cartão físico que pode substituir o celular.

A adesão ao Meu Dinheiro Claro nessas cidade é gratuita, basta ir até uma loja Claro e apresentar CPF, RG e comprovante de residência. O cliente também tem a opção de realizar um pré-cadastro no site do produto e finalizar a adesão na loja Claro. Após preenchimento do cadastro, o usuário receberá a confirmação via torpedo com o passo a passo para finalizar a adesão. A Claro vai cobrar R$ 5 para cada saque realizado e R$ 1,5 por transferência.

Informações podem ser obtidas pelo canal de atendimento exclusivo Meu Dinheiro Claro 3004 -3310 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800-730-3310 (demais localidades) ou pelo site www.meudinheiroclaro.com.br.

Porém, apesar de ser uma "novidade" para clientes da operadora, diversos consumidores acharam que a companhia está copiando o Oi Paggo e o Vivo Zuum, como as pessoas abaixo que comentaram num site de tecnologia:

Mas o Minha Operadora sai "em defesa" da operadora de Carlos Slim, pois fomos um dos sites a anunciar que a operadora já estava preparando o serviço desde o fim do ano passado, assim como as demais operadoras. Aqui está a prova, reparem na data do artigo.

O que você acha dessa nova forma de efetuar pagamentos pelo celular? As tarifas aplicadas lhe agradam?

Nenhum comentário:

Postar um comentário