domingo, 15 de setembro de 2013

Prédio da CTBC pega fogo e deixa 14 feridos. Serviços foram suspensos

O que você achou? 
Um princípio de incêndio registrado no prédio da Algar Telecom (detentora da marca CTBC) neste na manhã deste sábado (14), no centro de Uberaba - MG, mobilizou os bombeiros, causou congestionamento no trânsito e interrupção no serviço de telefonia e internet. Foram socorridas 13 pessoas por terem inalado fumaça.

O fogo começou quando, segundo o soldador I.N., 36 anos, ele trabalhava no prédio na rua Governador Valadares. Segundo I., ele realizava solda em um equipamento na sala de geradores de energia da companhia, quando um pingo de solda atingiu uma parede de espuma, iniciando o incêndio. Em poucos minutos, o fogo se propagou rapidamente, sendo que a testemunha saiu do local e avisou os outros funcionários para evacuarem o prédio e acionarem socorro. Além do operário que trabalhava no local, funcionários de lojas da região também se intoxicaram com a fumaça.

Às 9h30 de ontem, o Centro de Operações do Corpo de Bombeiros Militar (Cobom/190) foi acionado, por várias pessoas, informando que uma das salas no prédio da CTBC estava em chamas e grande quantidade de fumaça preta saía do local. O incêndio atingiu a tubulação de ar-condicionado e exaustor, queimando por completo todos os equipamentos do local onde funcionam os geradores de energia.

Logo que os bombeiros militares chegaram, para evitar maiores proporções, a energia foi desligada, até que as chamas fossem totalmente debeladas. Porém, devido ao revestimento usado nas paredes, feito de espuma e plástico para a vedação acústica, grande quantidade de fumaça foi produzida.

Com isto, 14 pessoas que trabalhavam na obra do prédio e de lojas vizinhas tiveram que ser socorridas por terem inalado a fumaça. Dez delas foram conduzidas até as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e outras quatro pelo resgate dos bombeiros.

De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde, nove pessoas foram atendidas na UPA São Benedito e outras cinco na UPA Mirante. Três pessoas exigiram atenção especial por ter ficado em estado mais grave.

O trânsito na região ficou congestionado, exigindo monitoramento por parte de policiais militares e guardas municipais.

O Corpo de Bombeiros também realizou trabalho de prevenção fazendo varredura nos comércios e moradias da região à procura de pessoas que poderiam ter aspirado a fumaça e passado mal. Pelo menos quatro lojas fecharam as portas.

30 mil telefones fixos ficaram mudos e celulares pararam. De acordo com informações do diretor de vendas da CTBC, Weber Pimenta, cerca de 30 mil telefones fixos da cidade ficaram sem funcionamento das 9h58 às 11h30. Ele disse ter sido impossível mensurar a quantidade de telefones celulares que ficaram sem funcionamento, mas que o serviço ficou interrompido na região central da cidade. Também registrou instabilidade o funcionamento da internet em grande parte da cidade, o que foi restabelecido paulatinamente até por volta das 14h.

Conforme informações extra-oficiais, uma solda usada por operário da obra pode ter dado início ao incêndio. Por meio de nota, a Algar Telecom informou que “na operacionalização de um procedimento de manutenção em um dos equipamentos de rede da companhia, houve o princípio de incêndio no site na região central de Uberaba na manhã de ontem”. De acordo com o comunicado, a Algar “acionou o Corpo de Bombeiros imediatamente e houve uma instabilidade dos serviços, das 9h58 às 11h30, que já estão 100% restabelecidos”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário