domingo, 21 de julho de 2013

TIM Fiber pretende aumentar cobertura para enfrentar a GVT

O que você achou? 


A TIM Fiber informou que ampliará sua presença em São Paulo de 26 para 41 bairros. No Rio de Janeiro, a operadora que oferece banda larga fixa em tecnologia baseada em fibra óptica vai dobrar a presença nos bairros, de 27 para 53. Esta expansão está prevista para ocorrer até o final deste ano.

A cobertura atual equivale a 720 mil domicílios e a expectativa é atingir 920 mil domicílios cobertos até o final do ano. A operadora que tinha 13 mil usuários no primeiro trimestre, já contabiliza 23 mil até hoje e mantém a meta de chegar até o final do ano com 67 mil assinantes. De acordo com o presidente da TIM Fiber, Rogério Takayanagi, a expectativa da fornecedora de banda larga fixa é chegar a 1 milhão de clientes em cinco anos. "O que vemos em 2013 é aceleração das vendas, vendemos 30% a 40% mais quando anunciamos uma cobertura agora do que há um ano, quando do lançamento, e este número é um alvo atingível", diz. 

O crescimento do Live TIM no Rio de Janeiro, por exemplo, deve acelerar com a expansão da cobertura, salienta o executivo. Enquanto no mercado de banda larga ultra rápida a TIM tem a liderança em São Paulo com 45%, na capital carioca a GVT está com o primeiro lugar com cerca de 45% do mercado. "No Rio de Janeiro já estamos incomodando bastante e estamos na dianteira em termos de crescimento", diz Tagayanagi. A TIM Fiber, segundo dados apresentados pela própria operadora, teria 27% do mercado de banda larga ultra rápida carioca, à frente de Net Serviços com 19% e Oi, com 5%.

O incremento do negócio deve vir com a oferta para o mercado corporativo baixo, voltada para pequenas empresas dispostas a pagar por um acordo de nível de serviço (SLA, na sigla em inglês) diferenciado. A TIM Fiber oferece banda larga com IP fixo em duas velocidades, 10 Mbps e 30 Mbps igual para download e upload, a R$ 999 e R$ 1.999,00 e níveis de atendimento diferenciados.

De acordo com a pesquisa TIC Empresas, realizada pela Certics, não têm links dedicados 56% das pequenas empresas instaladas no país. Entre os negócios de médio porte, esse percentual é de 39%. No sudeste, onde a TIM Fiber tem oferta, 51% das empresas em geral não contavam com links dedicados nos últimos 12 meses.

"Estamos muito otimistas com o potencial de desenvolvimento, ainda mais com a receita por usuário vinte vezes superior à do usuário residencial. Vale a pena atendimento diferenciado. Achamos que esse elemento deve mudar muito mercado na área em que estamos cobrindo", explica Tagayanagi.

A expectativa da operadora, baseada em negócios semelhantes em outras partes do mundo, é que os acessos para pessoas jurídicas representem 15% da base total com o amadurecimento da oferta. 

A operadora do grupo Telecom Itália também anunciou o lançamento do portal Guru Live TIM, ferramenta para relacionamento e fidelização online, que trará tutoriais, canais sobre games, entretenimento e tecnologia. A navegação será intuitiva e dividida por grupos de interesses.

Nenhum comentário:

Postar um comentário