quarta-feira, 26 de junho de 2013

Vodafone não antevê problemas regulatórios na aquisição da Kabel

O que você achou? 


O presidente do grupo Vodafone disse não ter qualquer problema regulatório na compra da empresa de cabo alemã Kabel Deutschland.

Numa conferência telefônica com analistas, o presidente do grupo Vodafone, Vittorio Colao, garantiu não ver problemas a nível de regulação, uma vez que os negócios são complementares.

"Não esperamos que o processo seja complicado no que toca aos reguladores, já que a combinação entre duas empresas que operam em segmentos diferentes cria um operador mais forte e competitivo no mercado. Não vemos abuso de posição dominante e é improvável uma preocupação com a concorrência", afirmou Vittorio Colao durante a conferência.

Já Jens Schulte-Bockum, presidente-executivo da Vodafone Alemanha, corrobora esta visão. "Se olharmos para os segmentos individuais em que operamos, estes são largamente complementares. A Vodafone Alemanha tem pouca presença na televisão. A Kabel tem pouca presença no móvel. Há alguma sobreposição na banda larga mas o esforço combinado é menos de 15% do mercado alemão. Baseados nesta observação não vemos bases para o escrutínio regulatório".

A Vodafone acordou a compra da Kabel por 7,7 mil milhões de euros mas o processo ainda está dependente da luz verde dos reguladores.

O racional do negócio é semelhante à fusão entre a Zon e a Optimus, com a junção de negócio de televisão paga a negócio móvel. O processo de fusão entre Zon e Optimus está em apreciação na Autoridade da Concorrência, que se prepara para avançar com uma investigação aprofundada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário