quinta-feira, 16 de maio de 2013

Vivo firma parceria para divulgar mensagens contra violência sexual

O que você achou? 


Em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (18 de maio), um termo de cooperação e adesão foi assinado na Câmara de Vereadores de Rio Branco, entre o Ministério Público do Estado do Acre (MP/AC) e a Empresa de Telefonia Vivo S/A. O objetivo é divulgar, no estado, a Campanha de Combate ao Abuso Infantil, promovida pelo Ministério Público, propagando mensagens de texto nos celulares dos clientes da operadora de telefonia móvel.

Na ocasião, o MP/AC e a Vivo foram representados pelo promotor de Justiça Romeu Filho e pelo gerente de vendas Rui Emanuel, respectivamente. A referida divulgação se dará a partir desta quinta-feira (16), por meio do envio de 100.000 mensagens de texto aos clientes da operadora, de forma aleatória, contendo a seguinte informação: “Proteger Crianças e Adolescentes da violência sexual é dever de todos. Denuncie. Procure o Conselho Tutelar ou Disque 100. Vivo e MPAC”.

No encontro, o promotor Romeu Filho convidou os presentes a fazerem uma reflexão quanto aos danos causados pela exploração sexual. “Quando há o abuso sexual, é suprimida a noção do que é bom, justo e verdadeiro, pois a pessoa que deveria protegê-la está, na verdade, abusando dela”, comentou.

Segundo o gerente da Vivo, Rui Emanuel, a parceria com o Ministério Público é importante para exercer o papel social da empresa, visando a proteger as crianças e adolescentes. “O disque 100 é uma ferramenta que dá voz a quem tem medo de denunciar. Temos tudo a ver com isso, pois também somos responsáveis pelo o que acontece à sociedade”, destaca. O gerenciamento do cumprimento do referido termo será realizado pelo coordenador de Defesa da Infância e da Juventude do MP/AC, procurador de Justiça Carlos Maia. O acordo terá vigência de 12 meses a contar da data de sua assinatura.