sábado, 20 de abril de 2013

Orelhões do Rio de Janeiro estão fazendo ligações de graça

O que você achou? 
Os telefones públicos da operadora Oi no estado do Rio de Janeiro estão realizando ligações locais gratuitamente para telefones fixos desde que a Anatel puniu a empresa em agosto do ano passado. Como a informação foi divulgada apenas na época da sanção do órgão, muitos cidadãos do estado ainda não ficaram sabendo da "novidade".

Para realizar uma chamada sem gastar nada, o usuário deve discar como se estivesse fazendo uma ligação a cobrar, acrescentando o código 9090 antes do número de destino. Em seguida, uma mensagem da operadora informa que a chamada será completada gratuitamente e que a oferta está disponível por tempo limitado. A pessoa que recebe o telefonema também não é cobrada.

O #Minha Operadora entrou em contato com a Oi para confirmar se a gratuidade ainda estava em vigor neste mês de abril. No dia 15, a companhia alegou que não poderia responder sobre o assunto, já que a medida foi uma imposição da agência fiscalizadora.

Procurada pelo nossa equipe por telefone, a Anatel informou que a gratuidade das ligações de telefones públicos da Oi continuam de forma plena apenas no estado do Maranhão e que "vem sendo paulatinamente revista nos demais estados". Entretanto, alguns colaboradores do nosso portal fizeram testes em orelhões de várias regiões do Rio na noite desta quinta-feira (18) e conseguiu completar as chamadas sem a necessidade de inserir o cartão telefônico.

Tanto a Oi quanto a Anatel informaram, através de suas assessorias de imprensa, que o procedimento para realizar chamadas gratuitas nos orelhões era o mesmo utilizado para fazer uma ligação tarifada, sem a necessidade de inserir o cartão indutivo. Nossos colaboradores, porém, só conseguiram completar as ligações discando 9090 antes do número.

A punição da Anatel foi motivada pelo alto número de equipamentos que não funcionavam e pelo não cumprimento da meta de densidade (de quatro aparelhos por mil habitantes por município) determinada pela agência reguladora. Na época, segundo a Anatel, orelhões de 2.020 municípios estavam incluídos na medida.

Ainda de acordo com o órgão, no final do 1º trimestre de 2013, o estado do Maranhão era o único com taxa de disponibilidade abaixo de 90%, conforme dados apresentados pela Oi. Quanto à densidade, as informações, ainda do final do ano de 2012, apontam que todos os municípios já se encontram com o quantitativo de orelhões exigido pela regulamentação.

Os orelhões do seu estado também estão realizando ligações gratuitamente? Faça o teste discando (9090+número de destino) e informe pra gente no espaço destinado aos comentários.